blog do Bem!


Olá Amigos do Bem!

Uma das coisas gostosas desta vida é reencontrar amigos desaparecidos por anos a fio, e ver que o papo continua como se tivesse sido interrompido há poucos minutos atrás.

Repare como o relacionamento humano é simples, mas pode se tornar complexo quando há medo interior, quando a pessoa quer viver da máscara da persona que criou para o mundo.
É comum ver gente com medo de se relacionar, principalmente quando lá dentro elas já sabem que não são nada disto que viveram para criar na percepção de fora, e é triste saber que ainda não encontraram uma saída honrosa para o mundo lá fora para mudarem e serem felizes.
 
Vivemos uma crise de relacionamentos. Gente mentindo para si mesma e para outros, para não terem de se relacionar.
 
Como consultor de negócios e capital humano, tenho a possibilidade de estar com as mais variadas empresas, lugares e pessoas.
Parte do meu trabalho é ouvir o que não está sendo dito, de ver aquilo que está sendo escondido, de possibilitar que apareça na história o Ser humano, que está por trás do papel profissional, muitas vezes camuflada de jargões e estrangeirismos.
Meu papel é facilitar que o potencial das pessoas, dos processos, das relações e comunicações gerem resultados melhores enquanto o Ser viva e trabalhe feliz.
 
Os bons processos de mudança corporativa ocorrem quando as pessoas deixam as máscaras na portaria e começam a trabalhar mais levemente, mais presentes, com entrega total do seu Ser ao seu papel, sem medo de ser feliz, assumindo suas responsabilidades, compromissos e comprometendo-se consigo mesmas, suas empresas, outros Seres e o ambiente que vivem.
Enfim, relacionando-se, oferecendo o seus melhores e recebendo os melhores dos outros e ambiente. Um circuíto aberto, um ambiente onde o melhor circula, sem medo, sem mágoas, sem fuga.
 
Agora, isto só pode ocorrer quando a própria liderança interior dos Seres que estão trabalhando e a do local do trabalho decidem seguir suas naturezas potencializando-as nos resultados, e também deixarem as normas e convenções como um desafio, não com um limitador.
 
Se você entende bem inglês, tem uma entrevista com Richard Branson, o fundador da Virgin no TED (abaixo) que é bastante ilustradora do que estou dizendo.
Ele deixou de estudar aos 15 anos, pois era disléxico e sofria muito para aprender da maneira tradicional, pois o dislexico tem de encontrar algo interessante para ter foco e atenção, senão fica irriqueto e retem pouco.
Sem deixar de querer aprender, seguiu sua natureza e abandonou as normas de que tinha que ir para uma escola tradicional, encontrando novos métodos, apoiado pela família.
No trabalho ele, e eu compartilho o pensamento dele, acredita que a função básica de uma empresa é dar lucro, que este lucro tem de ser compartilhado para melhorar a vida no mundo, e como líder, tem de proporcionar um ambiente de trabalho onde as pessoas queiram voltar no dia seguinte para oferecerem ao mundo o que têm de melhor.
 
Simples? Sim, muito.
Mas o que vejo no mundo corporativo de hoje é que há ausência de líderes, e a presença de muitos chefes.
Chefes com raiva do que fazem, com mágoas das empresas, com tristeza de terem de se relacionar com as pessoas que trabalham com eles.
As frases que escuto são repetitivas: "me sinto só, meus empregados não estão comprometidos", "todos os dias tenho de matar um leão, os acionistas querem sempre mais e mais, não tem fim", "o importante é entregar os resultados, ser feliz não é no trabalho".
 
Fico impressionado de ver como estas pessoas acreditam que terão tempo na vida, algum dia, algum momento no futuro, para serem felizes, mas não no aqui e agora, enquanto estão trabalhando.
Elas pensam como adolescentes que têm a onipotência de controlarem o tempo.
Poucas são as escolas e universidades que estão dando atenção para a formação vocacional das crianças e jovens, por isso eu acredito que a consequencia deste descaso com a formação, está no dia-a-dia corporativo, onde vejo gente sem a menor vontade de estar fazendo o que fazem.
 
Mas, felizmente, tudo tem solução. Por um lado fico triste de ver milhões, bilhões de pessoas infelizes no dia-a-dia. Por outro, fico feliz, pois fiz disto o meu ganha pão, e com entrega total dedico-me a facilitar a potencialização de resultados através de profissionais que conseguem ter uma vida mais equilibrada e feliz, tornando o mundo melhor, das suas áreas micro de atuação para o macro universo que todos vivem.
 
Para mim, deixar todo o potencial do Ser-Vir no aqui e agora, é vivenciar a felicidade. Portanto, servir ao próximo e ao planeta, é a melhor maneira de auto-realização, pois assim estamos no presente, deixando ir e vir o que o mundo tem a nos oferecer de melhor.
 
Se você tiver tempo este fim de semana, veja os 30 minutos da entrevista com o Richard, e inspire-se a acreditar que pode-se ter uma companhia avaliada em 24 bilhões, seguinte a receita simples de liderança.
 
Seja Feliz! Todos os Seres merecem ser felizes.
 
Abraços, Marcos Souza Aranha BY
  
 

 


Publicado às 10h28.
Antes de agir, pergunte-se: estou consciente das consequencias e responsabilidades do meu ato?




[[ Clique aqui e indique para um amigo. ]]


Olá Amigos do Bem!

Neste momento, neste exato momento, alguém está nascendo, morrendo, vivendo, rindo, chorando, andando, rastejando, correndo, falando, quieto, dormindo, acordado, sonolento, triste, alegre, respirando, perdendo o fôlego, cessando a respiração, adiando, deixando pra lá, decidindo,  destruindo, criando, fazendo  a guerra, a paz, perdendo, ganhando, odiando, amando.

Neste momento, neste exato momento, você pensa algo, você sente algo, você faz algo, você está algo, você É algo, você é nada, você é Tudo, você sou eu, eu sou você.

Neste momento, neste exato momento, decido terminar o post do dia.

Seja Feliz! Todos os Seres merecem ser felizes.

Abraços, Marcos Souza Aranha BY


Publicado às 05h08.
Antes de agir, pergunte-se: estou consciente das consequencias e responsabilidades do meu ato?




[[ Clique aqui e indique para um amigo. ]]


Olá Amigos do Bem!

Em 2007 recebi um e-mail da minha amiga Pati Aguirre com um link para um site de nome curioso e engraçado: Ho´oponopono. Fui lá para conhecer e descobri que este milenar conhecimento havaiano poderia ter algo interessante para os meus dias atuais. Ho´oponopono significa "corrigir" ou "retificar" um erro.

Desde então, tenho praticado a essência do Ho´oponopono diariamente e visto mudanças ocorrendo na minha maneira de perceber o mundo.
É tudo muito simples: assumir 100% da responsabilidade para si de que esta é a única forma de transformar sua percepção errada do mundo, e deixar a parte mais profunda da mente cuidar da cura de tudo que pode ter causado os pensamentos equivocados.
 
Sempre que recebo algo novo, trato de experimentar para saber se devo recomendar ou não.
É inegável que este conhecimento milenar traz os resultados focados, mas como funciona clara e precisamente no mundo concreto ainda é cientificamente pouco comprovado.
Para mim, o importante é que funciona se a pessoa aprender a simples técnica, acreditar no processo e ter disciplina, pois não se trata de mágica. É como a Internet, você não precisa saber como funciona, como programar, etc, apenas usufruir dos benefícios dela ao usá-la.
 
Se tiver interesse em conhecer, recomendo escutar um webnário que ocorreu há um tempo com John Curtin, professor de meditação e Reiki na Espanha, após sua viagem a Cork na Irlanda, onde se discutiu o Ho´oponopono. O audio está em espanhol, mas ele fala num rítmo tranquilo. O webnário foi longo, e se quiser baixar o pequeno arquivo de mp3 para escutar no ipod, durante o trânsito, por exemplo, vale a pena: http://www.medita.es/mp3/webinariohooponopono.mp3 
 
Abaixo a entrevista com o médico Ihaleakala Hew Len, Ph.D
 

Muitos conhecimentos milenares estão retornando para que o Ser possa resgatar a sua essência e Ser feliz. Este é apenas um deles, que comprovei ser eficiente. Experimente, pratique com entrega e disciplina nos próximos meses e compartilhe conosco sua opinião.

Seja Feliz! Todos os Seres merecem ser felizes.

Abraços, Marcos Souza Aranha BY


Publicado às 08h12.
Antes de agir, pergunte-se: estou consciente das consequencias e responsabilidades do meu ato?




[[ Clique aqui e indique para um amigo. ]]


Caminho da Fé

Olá Amigos do Bem!

Em 2005, eu percorri pelas montanhas da Mantiqueira e Vale do Paraíba, sozinho, de mochila nas costas, quase 200 quilômetros em 5 dias. Foi uma jornada fantástica, com momentos e visuais inesquecíveis, como compartilhei com vocês aqui no blog.

Parte do meu roteiro se juntava ao do Caminho da Fé, que é o Caminho de Santiago brasileiro, onde anualmente milhares de pessoas percorrem 450 quilômetros de Minas até Aparecida do Norte, passando por dezenas de igrejas.

Este fim de semana, levei minha filha para conhecer uma ínfima parte da trilha que tanto disse que era linda.
Subimos a serra até Santo Antonio do Pinhal (uma cidade antes de Campos do Jordão) de carona, e de lá descemos pelo caminho demarcado pelo Caminho da Fé, por 6 quilômetros, até Piracuama, um vilarejo no pé da serra.
Ela, como eu, adoramos. Desta vez, levei a camera digital e compartilho abaixo uma pequena montagem, só para motivá-los a fazer o mesmo.

Vale a pena! Fazendo devagar, parando para curtir o visual, tirar fotos, comer um lanchinho, no máximo você levará uma hora e meia, e é tudo morro abaixo, com as bençãos da Nossa Senhora Auxiliadora, que é onde a descida tem início, lá na estação de trem de Santo Antônio do Pinhal.

Seja Feliz! Todos os Seres, de fé ou não, merecem ser felizes.

Abraços, Marcos Souza Aranha BY


Publicado às 22h18.
Antes de agir, pergunte-se: estou consciente das consequencias e responsabilidades do meu ato?




[[ Clique aqui e indique para um amigo. ]]

 
Previsão do dia



Linha Direta do Bem.

Clique aqui para nos escrever, mandar textos, sugestões, dicas do Bem, e elogios.

Outros sites
 Desenvolvimento Negócios & RH
 OW4Y Consulting
 ONG- SIDARTA -Educação
 ONG - Instituto Vladimir Herzog
 ONG- Corpore
 ONG Lua Nova
 ONG- Projeto Mutação
 ONG- Viva e Deixe Viver
 ONG - ADD - Assoc.Desportiva de Deficientes -
 ONG- Constelação
 ONG Casa do Sol
 ONG Teu sonho- meu sonho
 UOL
 Lembranças do capitão




Votação
Vote! Clique aqui e dê uma nota de 0 a 10 para o blog do Bem.


Histórico
11/08/2013 a 17/08/2013
04/08/2013 a 10/08/2013
10/02/2013 a 16/02/2013
12/08/2012 a 18/08/2012
05/08/2012 a 11/08/2012
03/06/2012 a 09/06/2012
22/04/2012 a 28/04/2012
11/03/2012 a 17/03/2012
17/07/2011 a 23/07/2011
05/06/2011 a 11/06/2011
15/05/2011 a 21/05/2011
27/03/2011 a 02/04/2011
27/02/2011 a 05/03/2011
20/02/2011 a 26/02/2011
26/12/2010 a 01/01/2011
19/12/2010 a 25/12/2010
07/11/2010 a 13/11/2010
31/10/2010 a 06/11/2010
03/10/2010 a 09/10/2010
19/09/2010 a 25/09/2010
01/08/2010 a 07/08/2010
13/06/2010 a 19/06/2010
06/06/2010 a 12/06/2010
09/05/2010 a 15/05/2010
02/05/2010 a 08/05/2010
21/03/2010 a 27/03/2010
14/03/2010 a 20/03/2010
07/03/2010 a 13/03/2010
07/02/2010 a 13/02/2010
13/12/2009 a 19/12/2009
06/12/2009 a 12/12/2009
15/11/2009 a 21/11/2009
08/11/2009 a 14/11/2009
01/11/2009 a 07/11/2009
18/10/2009 a 24/10/2009
11/10/2009 a 17/10/2009
27/09/2009 a 03/10/2009
20/09/2009 a 26/09/2009
13/09/2009 a 19/09/2009
06/09/2009 a 12/09/2009
23/08/2009 a 29/08/2009
16/08/2009 a 22/08/2009
02/08/2009 a 08/08/2009
26/07/2009 a 01/08/2009
19/07/2009 a 25/07/2009
12/07/2009 a 18/07/2009
05/07/2009 a 11/07/2009
28/06/2009 a 04/07/2009
21/06/2009 a 27/06/2009
14/06/2009 a 20/06/2009
07/06/2009 a 13/06/2009
31/05/2009 a 06/06/2009
24/05/2009 a 30/05/2009
17/05/2009 a 23/05/2009
10/05/2009 a 16/05/2009
03/05/2009 a 09/05/2009
26/04/2009 a 02/05/2009
19/04/2009 a 25/04/2009
05/04/2009 a 11/04/2009
29/03/2009 a 04/04/2009
22/03/2009 a 28/03/2009
15/03/2009 a 21/03/2009
08/03/2009 a 14/03/2009
01/03/2009 a 07/03/2009
22/02/2009 a 28/02/2009
15/02/2009 a 21/02/2009
08/02/2009 a 14/02/2009
01/02/2009 a 07/02/2009
25/01/2009 a 31/01/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
11/01/2009 a 17/01/2009
04/01/2009 a 10/01/2009
28/12/2008 a 03/01/2009
21/12/2008 a 27/12/2008
14/12/2008 a 20/12/2008
07/12/2008 a 13/12/2008
30/11/2008 a 06/12/2008
23/11/2008 a 29/11/2008
16/11/2008 a 22/11/2008
09/11/2008 a 15/11/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
26/10/2008 a 01/11/2008
19/10/2008 a 25/10/2008
12/10/2008 a 18/10/2008
05/10/2008 a 11/10/2008
28/09/2008 a 04/10/2008
21/09/2008 a 27/09/2008
14/09/2008 a 20/09/2008
07/09/2008 a 13/09/2008
31/08/2008 a 06/09/2008
24/08/2008 a 30/08/2008
17/08/2008 a 23/08/2008
10/08/2008 a 16/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
27/07/2008 a 02/08/2008
20/07/2008 a 26/07/2008
13/07/2008 a 19/07/2008
06/07/2008 a 12/07/2008
22/06/2008 a 28/06/2008
15/06/2008 a 21/06/2008
08/06/2008 a 14/06/2008
01/06/2008 a 07/06/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
18/05/2008 a 24/05/2008
11/05/2008 a 17/05/2008
04/05/2008 a 10/05/2008
27/04/2008 a 03/05/2008
13/04/2008 a 19/04/2008
06/04/2008 a 12/04/2008
30/03/2008 a 05/04/2008
23/03/2008 a 29/03/2008
16/03/2008 a 22/03/2008
09/03/2008 a 15/03/2008
24/02/2008 a 01/03/2008
17/02/2008 a 23/02/2008
10/02/2008 a 16/02/2008
03/02/2008 a 09/02/2008
27/01/2008 a 02/02/2008
20/01/2008 a 26/01/2008
13/01/2008 a 19/01/2008
06/01/2008 a 12/01/2008
30/12/2007 a 05/01/2008
23/12/2007 a 29/12/2007
16/12/2007 a 22/12/2007
09/12/2007 a 15/12/2007
02/12/2007 a 08/12/2007
25/11/2007 a 01/12/2007
18/11/2007 a 24/11/2007
11/11/2007 a 17/11/2007
04/11/2007 a 10/11/2007
28/10/2007 a 03/11/2007
21/10/2007 a 27/10/2007
14/10/2007 a 20/10/2007
07/10/2007 a 13/10/2007
30/09/2007 a 06/10/2007
23/09/2007 a 29/09/2007
16/09/2007 a 22/09/2007
09/09/2007 a 15/09/2007
02/09/2007 a 08/09/2007
26/08/2007 a 01/09/2007
19/08/2007 a 25/08/2007
12/08/2007 a 18/08/2007
05/08/2007 a 11/08/2007
29/07/2007 a 04/08/2007
22/07/2007 a 28/07/2007
15/07/2007 a 21/07/2007
08/07/2007 a 14/07/2007
24/06/2007 a 30/06/2007
17/06/2007 a 23/06/2007
10/06/2007 a 16/06/2007
03/06/2007 a 09/06/2007
27/05/2007 a 02/06/2007
20/05/2007 a 26/05/2007
13/05/2007 a 19/05/2007
06/05/2007 a 12/05/2007
29/04/2007 a 05/05/2007
22/04/2007 a 28/04/2007
15/04/2007 a 21/04/2007
08/04/2007 a 14/04/2007
01/04/2007 a 07/04/2007
25/03/2007 a 31/03/2007
18/03/2007 a 24/03/2007
11/03/2007 a 17/03/2007
04/03/2007 a 10/03/2007
25/02/2007 a 03/03/2007
18/02/2007 a 24/02/2007
11/02/2007 a 17/02/2007
04/02/2007 a 10/02/2007
21/01/2007 a 27/01/2007
14/01/2007 a 20/01/2007
07/01/2007 a 13/01/2007
31/12/2006 a 06/01/2007
24/12/2006 a 30/12/2006
17/12/2006 a 23/12/2006
10/12/2006 a 16/12/2006
03/12/2006 a 09/12/2006
26/11/2006 a 02/12/2006
19/11/2006 a 25/11/2006
12/11/2006 a 18/11/2006
05/11/2006 a 11/11/2006
29/10/2006 a 04/11/2006
22/10/2006 a 28/10/2006
15/10/2006 a 21/10/2006
08/10/2006 a 14/10/2006
01/10/2006 a 07/10/2006
24/09/2006 a 30/09/2006
17/09/2006 a 23/09/2006
10/09/2006 a 16/09/2006
03/09/2006 a 09/09/2006
20/08/2006 a 26/08/2006
13/08/2006 a 19/08/2006
06/08/2006 a 12/08/2006
30/07/2006 a 05/08/2006
23/07/2006 a 29/07/2006
16/07/2006 a 22/07/2006
09/07/2006 a 15/07/2006
02/07/2006 a 08/07/2006
25/06/2006 a 01/07/2006
18/06/2006 a 24/06/2006
11/06/2006 a 17/06/2006
04/06/2006 a 10/06/2006
28/05/2006 a 03/06/2006
21/05/2006 a 27/05/2006
14/05/2006 a 20/05/2006
07/05/2006 a 13/05/2006
30/04/2006 a 06/05/2006
23/04/2006 a 29/04/2006
16/04/2006 a 22/04/2006
09/04/2006 a 15/04/2006
02/04/2006 a 08/04/2006
26/03/2006 a 01/04/2006
19/03/2006 a 25/03/2006
12/03/2006 a 18/03/2006
05/03/2006 a 11/03/2006
26/02/2006 a 04/03/2006
19/02/2006 a 25/02/2006
12/02/2006 a 18/02/2006
05/02/2006 a 11/02/2006
29/01/2006 a 04/02/2006
22/01/2006 a 28/01/2006
15/01/2006 a 21/01/2006
08/01/2006 a 14/01/2006
01/01/2006 a 07/01/2006
25/12/2005 a 31/12/2005
18/12/2005 a 24/12/2005
11/12/2005 a 17/12/2005
04/12/2005 a 10/12/2005
27/11/2005 a 03/12/2005
20/11/2005 a 26/11/2005
13/11/2005 a 19/11/2005
06/11/2005 a 12/11/2005
30/10/2005 a 05/11/2005
23/10/2005 a 29/10/2005
16/10/2005 a 22/10/2005
09/10/2005 a 15/10/2005
02/10/2005 a 08/10/2005
25/09/2005 a 01/10/2005
18/09/2005 a 24/09/2005
11/09/2005 a 17/09/2005
04/09/2005 a 10/09/2005
28/08/2005 a 03/09/2005
21/08/2005 a 27/08/2005
14/08/2005 a 20/08/2005
07/08/2005 a 13/08/2005
31/07/2005 a 06/08/2005
24/07/2005 a 30/07/2005
17/07/2005 a 23/07/2005
10/07/2005 a 16/07/2005
03/07/2005 a 09/07/2005
26/06/2005 a 02/07/2005
19/06/2005 a 25/06/2005
12/06/2005 a 18/06/2005
05/06/2005 a 11/06/2005
29/05/2005 a 04/06/2005
22/05/2005 a 28/05/2005
15/05/2005 a 21/05/2005
08/05/2005 a 14/05/2005
24/04/2005 a 30/04/2005
17/04/2005 a 23/04/2005
10/04/2005 a 16/04/2005
03/04/2005 a 09/04/2005
27/03/2005 a 02/04/2005
20/03/2005 a 26/03/2005
13/03/2005 a 19/03/2005
06/03/2005 a 12/03/2005
27/02/2005 a 05/03/2005
20/02/2005 a 26/02/2005
13/02/2005 a 19/02/2005
06/02/2005 a 12/02/2005
30/01/2005 a 05/02/2005
23/01/2005 a 29/01/2005
16/01/2005 a 22/01/2005
09/01/2005 a 15/01/2005
02/01/2005 a 08/01/2005
26/12/2004 a 01/01/2005
19/12/2004 a 25/12/2004
12/12/2004 a 18/12/2004
05/12/2004 a 11/12/2004
28/11/2004 a 04/12/2004
21/11/2004 a 27/11/2004
14/11/2004 a 20/11/2004
07/11/2004 a 13/11/2004
31/10/2004 a 06/11/2004
24/10/2004 a 30/10/2004
17/10/2004 a 23/10/2004
10/10/2004 a 16/10/2004
03/10/2004 a 09/10/2004
26/09/2004 a 02/10/2004
19/09/2004 a 25/09/2004
12/09/2004 a 18/09/2004
05/09/2004 a 11/09/2004
29/08/2004 a 04/09/2004
22/08/2004 a 28/08/2004
15/08/2004 a 21/08/2004
11/07/2004 a 17/07/2004
04/07/2004 a 10/07/2004
27/06/2004 a 03/07/2004
20/06/2004 a 26/06/2004
13/06/2004 a 19/06/2004
06/06/2004 a 12/06/2004
30/05/2004 a 05/06/2004
23/05/2004 a 29/05/2004
16/05/2004 a 22/05/2004
09/05/2004 a 15/05/2004
02/05/2004 a 08/05/2004
25/04/2004 a 01/05/2004
18/04/2004 a 24/04/2004
11/04/2004 a 17/04/2004
04/04/2004 a 10/04/2004
28/03/2004 a 03/04/2004
21/03/2004 a 27/03/2004
14/03/2004 a 20/03/2004
07/03/2004 a 13/03/2004
29/02/2004 a 06/03/2004
22/02/2004 a 28/02/2004
15/02/2004 a 21/02/2004