blog do Bem!


Olá Amigos do Bem!

Heráclito - há 2700 anos  - "Viver de morte, morrer de vida".

Refletiu? Ótimo, seu corpo e mente estão integrados!

Seja Feliz! Todos os Seres merecem ser feliz.

Abraços, Marcos Souza Aranha BY


Publicado às 14h36.
Antes de agir, pergunte-se: estou consciente das consequencias e responsabilidades do meu ato?




[[ Clique aqui e indique para um amigo. ]]


Olá Amigos do Bem!

Talvez ontem eu tenha vivido uma experiência que não desejo a ninguém: tomar a decisão entre o direito de um Ser morrer ou viver.

O dia amanheceu como qualquer outro. A nossa gata, a Nala, que estava velhinha, doente, desidratada e magrinha, pois já não se alimentava adequadamente e o câncer se espalhava internamente, veio pedir meu carinho como todas as manhãs. Sabíamos que ela estava piorando a cada dia, mas como ela não apresentava sinais de dor, aprendemos a conviver com a doença, suas limitações, e esperar pela morte natural.

Se vivessemos num sítio, tenho certeza que ela teria fugido para o mato para morrer em paz. Como vivemos em uma casa cercada de muros, fugir era impossível e talvez a tenhamos aprisionado. Seu olhar já não tinha mais brilho, seu pelo também não. Sua ternura continuava igual. Bastava eu abrir a porta de casa e lá vinha ela pedir carinho e ronronar.

Confesso que antes dela eu não gostava de gatos. Tinha traumas de infância e condicionamento familiar, pois minha mãe tem horror a felinos.
Mas a Nala me conquistou. A conheci há mais de 10 anos, na casa de uma funcionária da agência de publicidade que trabalhei, durante uma festa de aniversário. Ela estava sobre o sofá como uma estátua, imóvel. Me lembro que as pessoas perguntavam se era de verdade.
Anos depois, casei-me com a dona dela e ela veio viver aqui em casa, depois de ter vivido mais de 10 anos em apartamentos. No início, nos estranhamos mutuamente, cada um demarcando seu território e disputando o único colo.

Aos poucos, nós nos descobrimos e aprendemos a conviver no mesmo espaço.
Eu sempre tive cachorros, e dizia que a Nala era uma Gadela, uma cadela em pele de gata. Ela foi me conquistando, e se comportando como uma cadela, pois sacou que seria difícil para eu entender como lidar com uma gata. Eu a chamava, e onde quer que estivesse, vinha e pedia colo. Minha mulher começou a chamá-la de traidora, pois trocou o colo dela pelo meu, e me seguia por onde caminhasse pela casa.
Foi uma amizade construída pelo respeito mútuo. Aprendi a admirar gatos, sua inteligência, personalidade, independência, movimentos precisos, maleáveis, elásticos, graças a Nala, que mudou minha percepção dos felinos.

Ontem, na hora do almoço, ela foi tomar seu banho no veterinário. Ele a examinou e nos chamou. Antes de irmos à clínica, minha esposa me ligou triste, pois já sabia que o veterinário tinha recomendado sacrificá-la.

Ao chegar à clínica, vi minha mulher com ela no colo, e uma tristeza invadiu meu coração, pois sabia que aquele amor entre as duas durava mais de 15 anos e estava chegando a um fim. O veterinário conversou conosco, explicou detalhadamente tudo, o sofrimento que ela estava passando e o estado que só iria piorar, e pediu para tomarmos uma decisão: sacrificá-la ou não.

Puxa, que situação ruim! A Nala já não estava vivendo mais, mas sobrevivendo e a cada dia pior. Mas que decisão tomar? Deixá-la sofrendo apenas para mantê-la ao nosso lado? Sacrificá-la para deixar de sofrer? Naquele momento me vi despreparado para a vida, e decidir pela morte.

Tive de pedir um momento, sentir meu coração, ouvir minha consciência, e talvez o apelo da Nala. Pensei sobre o que eu gostaria que fizessem comigo se eu estivesse numa situação como a dela, e a resposta veio clara em minha mente: gostaria que aqueles que me amam me livrasse de tanto sofrimento, que entendessem que numa situação junto à Natureza isto jamais aconteceria, que entendessem que estariam dando a mim, a possibilidade de liberar-me para transformar-me em outra forma de energia.

Então decidi, com muita tristeza de ter de perder o convívio com ela, mas profundo respeito pela Nala, que não deveria ser egoísta e tê-la ao nosso lado, naquele estado. Assinei o termo de responsabilidade para que ela tivesse uma passagem digna, sem dor, e providenciei a cremação particular, já que a ex-prefeita Marta acabou com a da Prefeitura, um absurdo que não cabe comentar aqui (ela assinou a Lei que determina que o destino dos animais seja o aterro sanitário).

Orei para que São Francisco cuidasse da sua passagem, e que ela seja um Ser livre e possa viver outras formas de vidas, sabendo que somos gratos por todo amor e carinho que nos ofertou nesta vida. Nala, onde quer que esteja agora, na forma que estiver, sabia que você fez diferença na minha vida.

Nala, 19.. - 2008 :-)

Seja Feliz! Todos os Seres merecem ser felizes.

Abraços, Marcos Souza Aranha BY


Publicado às 00h07.
Antes de agir, pergunte-se: estou consciente das consequencias e responsabilidades do meu ato?




[[ Clique aqui e indique para um amigo. ]]


Olá Amigos do Bem!

A semana passada tive a oportunidade de palestrar para mais de 1.000 profissionais em três locais e estados diferentes.

Foram dois temas que apresentei: "Um novo olhar para o sucesso" e "A importância da Visão, Missão, Valores e Princípios vividos por todos da empresa para que os resultados sejam atingidos".

Embora sejam temas diferentes, em comum há sempre a necessidade dos participantes de pedirem fórmulas mágicas para aplicarem e, chazan!, o dia-a-dia se transformar em algo completamente diferente, como por milagre. Sempre digo que não há milagre, mas sim determinação e consistência.

Acredito que educar é dar a oportunidade, facilitar o processo, de outros aprenderem por si só "como pensar". Acredito que dar fórmulas prontas é ensinar "o que pensar", e isto é condicionar, longe de educar.

Como educador de mim mesmo, acredito que questionar é dar a oportunidade de aprender algo novo. Saber fazer perguntas é portanto parte fundamental do processo de aprendizagem e educação. Aquele que não sabe fazer perguntas, estará sujeito a seguir àqueles que já as fizeram, e que passaram a afirmar suas respostas como regras, ou mesmo verdades.

O mundo dos negócios, as famílias, os cidadãos, precisam aprender a fazer perguntas, a questionarem-se, senão continuarão repetindo erros de seguir modismos e milagreiros de plantão.

Quem participou das minhas palestras teve esta oportunidade, de aprender a questionar, o "como pensar", e também levar para sua vida exemplos, "cases", para referência. Não regras, não verdades absolutas, mas sugestões.

Costumo dizer que se apenas caminhos e "o que pensar" fizessem um mundo mellhor, o Bhagavad Gita, o Dhammapada, a Torá, o Alcorão, a Bíblia, e outras publicações deste genêro, já teriam tornado o mundo melhor há milhares de anos.

A complexidade do Ser humano é reflexo da beleza da diversidade do Universo, de Deus, para aqueles que acreditam que há um. Portanto, acredito que os Grandes Mestres jamais quiseram deixar um conjunto de regras sociais, espirituais, morais, o que fazer, mas sim, um caminho para aprendermos a pensar, "como pensar", e ampliarmos nossa consciência.

Fica aqui minha dica para esta semana: para cada afirmação que ouvir, lembre-se que aquela é a opinião do interlocutor, longe da verdade. Ele pode até mesmo estar repetindo sem ter se questionado, refletido, ampliado a própria consciência. Questione-se sobre o que o faz identificar-se com o que ouviu ou discordar. Este já é um bom caminho para o auto-conhecimento, e o aprendizado de "como pensar".

Seja Feliz! Todos os Seres merecem ser feliz.

Abraços, Marcos Souza Aranha BY


Publicado às 09h44.
Antes de agir, pergunte-se: estou consciente das consequencias e responsabilidades do meu ato?




[[ Clique aqui e indique para um amigo. ]]

 
Previsão do dia



Linha Direta do Bem.

Clique aqui para nos escrever, mandar textos, sugestões, dicas do Bem, e elogios.

Outros sites
 Desenvolvimento Negócios & RH
 OW4Y Consulting
 ONG- SIDARTA -Educação
 ONG - Instituto Vladimir Herzog
 ONG- Corpore
 ONG Lua Nova
 ONG- Projeto Mutação
 ONG- Viva e Deixe Viver
 ONG - ADD - Assoc.Desportiva de Deficientes -
 ONG- Constelação
 ONG Casa do Sol
 ONG Teu sonho- meu sonho
 UOL
 Lembranças do capitão




Votação
Vote! Clique aqui e dê uma nota de 0 a 10 para o blog do Bem.


Histórico
11/08/2013 a 17/08/2013
04/08/2013 a 10/08/2013
10/02/2013 a 16/02/2013
12/08/2012 a 18/08/2012
05/08/2012 a 11/08/2012
03/06/2012 a 09/06/2012
22/04/2012 a 28/04/2012
11/03/2012 a 17/03/2012
17/07/2011 a 23/07/2011
05/06/2011 a 11/06/2011
15/05/2011 a 21/05/2011
27/03/2011 a 02/04/2011
27/02/2011 a 05/03/2011
20/02/2011 a 26/02/2011
26/12/2010 a 01/01/2011
19/12/2010 a 25/12/2010
07/11/2010 a 13/11/2010
31/10/2010 a 06/11/2010
03/10/2010 a 09/10/2010
19/09/2010 a 25/09/2010
01/08/2010 a 07/08/2010
13/06/2010 a 19/06/2010
06/06/2010 a 12/06/2010
09/05/2010 a 15/05/2010
02/05/2010 a 08/05/2010
21/03/2010 a 27/03/2010
14/03/2010 a 20/03/2010
07/03/2010 a 13/03/2010
07/02/2010 a 13/02/2010
13/12/2009 a 19/12/2009
06/12/2009 a 12/12/2009
15/11/2009 a 21/11/2009
08/11/2009 a 14/11/2009
01/11/2009 a 07/11/2009
18/10/2009 a 24/10/2009
11/10/2009 a 17/10/2009
27/09/2009 a 03/10/2009
20/09/2009 a 26/09/2009
13/09/2009 a 19/09/2009
06/09/2009 a 12/09/2009
23/08/2009 a 29/08/2009
16/08/2009 a 22/08/2009
02/08/2009 a 08/08/2009
26/07/2009 a 01/08/2009
19/07/2009 a 25/07/2009
12/07/2009 a 18/07/2009
05/07/2009 a 11/07/2009
28/06/2009 a 04/07/2009
21/06/2009 a 27/06/2009
14/06/2009 a 20/06/2009
07/06/2009 a 13/06/2009
31/05/2009 a 06/06/2009
24/05/2009 a 30/05/2009
17/05/2009 a 23/05/2009
10/05/2009 a 16/05/2009
03/05/2009 a 09/05/2009
26/04/2009 a 02/05/2009
19/04/2009 a 25/04/2009
05/04/2009 a 11/04/2009
29/03/2009 a 04/04/2009
22/03/2009 a 28/03/2009
15/03/2009 a 21/03/2009
08/03/2009 a 14/03/2009
01/03/2009 a 07/03/2009
22/02/2009 a 28/02/2009
15/02/2009 a 21/02/2009
08/02/2009 a 14/02/2009
01/02/2009 a 07/02/2009
25/01/2009 a 31/01/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
11/01/2009 a 17/01/2009
04/01/2009 a 10/01/2009
28/12/2008 a 03/01/2009
21/12/2008 a 27/12/2008
14/12/2008 a 20/12/2008
07/12/2008 a 13/12/2008
30/11/2008 a 06/12/2008
23/11/2008 a 29/11/2008
16/11/2008 a 22/11/2008
09/11/2008 a 15/11/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
26/10/2008 a 01/11/2008
19/10/2008 a 25/10/2008
12/10/2008 a 18/10/2008
05/10/2008 a 11/10/2008
28/09/2008 a 04/10/2008
21/09/2008 a 27/09/2008
14/09/2008 a 20/09/2008
07/09/2008 a 13/09/2008
31/08/2008 a 06/09/2008
24/08/2008 a 30/08/2008
17/08/2008 a 23/08/2008
10/08/2008 a 16/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
27/07/2008 a 02/08/2008
20/07/2008 a 26/07/2008
13/07/2008 a 19/07/2008
06/07/2008 a 12/07/2008
22/06/2008 a 28/06/2008
15/06/2008 a 21/06/2008
08/06/2008 a 14/06/2008
01/06/2008 a 07/06/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
18/05/2008 a 24/05/2008
11/05/2008 a 17/05/2008
04/05/2008 a 10/05/2008
27/04/2008 a 03/05/2008
13/04/2008 a 19/04/2008
06/04/2008 a 12/04/2008
30/03/2008 a 05/04/2008
23/03/2008 a 29/03/2008
16/03/2008 a 22/03/2008
09/03/2008 a 15/03/2008
24/02/2008 a 01/03/2008
17/02/2008 a 23/02/2008
10/02/2008 a 16/02/2008
03/02/2008 a 09/02/2008
27/01/2008 a 02/02/2008
20/01/2008 a 26/01/2008
13/01/2008 a 19/01/2008
06/01/2008 a 12/01/2008
30/12/2007 a 05/01/2008
23/12/2007 a 29/12/2007
16/12/2007 a 22/12/2007
09/12/2007 a 15/12/2007
02/12/2007 a 08/12/2007
25/11/2007 a 01/12/2007
18/11/2007 a 24/11/2007
11/11/2007 a 17/11/2007
04/11/2007 a 10/11/2007
28/10/2007 a 03/11/2007
21/10/2007 a 27/10/2007
14/10/2007 a 20/10/2007
07/10/2007 a 13/10/2007
30/09/2007 a 06/10/2007
23/09/2007 a 29/09/2007
16/09/2007 a 22/09/2007
09/09/2007 a 15/09/2007
02/09/2007 a 08/09/2007
26/08/2007 a 01/09/2007
19/08/2007 a 25/08/2007
12/08/2007 a 18/08/2007
05/08/2007 a 11/08/2007
29/07/2007 a 04/08/2007
22/07/2007 a 28/07/2007
15/07/2007 a 21/07/2007
08/07/2007 a 14/07/2007
24/06/2007 a 30/06/2007
17/06/2007 a 23/06/2007
10/06/2007 a 16/06/2007
03/06/2007 a 09/06/2007
27/05/2007 a 02/06/2007
20/05/2007 a 26/05/2007
13/05/2007 a 19/05/2007
06/05/2007 a 12/05/2007
29/04/2007 a 05/05/2007
22/04/2007 a 28/04/2007
15/04/2007 a 21/04/2007
08/04/2007 a 14/04/2007
01/04/2007 a 07/04/2007
25/03/2007 a 31/03/2007
18/03/2007 a 24/03/2007
11/03/2007 a 17/03/2007
04/03/2007 a 10/03/2007
25/02/2007 a 03/03/2007
18/02/2007 a 24/02/2007
11/02/2007 a 17/02/2007
04/02/2007 a 10/02/2007
21/01/2007 a 27/01/2007
14/01/2007 a 20/01/2007
07/01/2007 a 13/01/2007
31/12/2006 a 06/01/2007
24/12/2006 a 30/12/2006
17/12/2006 a 23/12/2006
10/12/2006 a 16/12/2006
03/12/2006 a 09/12/2006
26/11/2006 a 02/12/2006
19/11/2006 a 25/11/2006
12/11/2006 a 18/11/2006
05/11/2006 a 11/11/2006
29/10/2006 a 04/11/2006
22/10/2006 a 28/10/2006
15/10/2006 a 21/10/2006
08/10/2006 a 14/10/2006
01/10/2006 a 07/10/2006
24/09/2006 a 30/09/2006
17/09/2006 a 23/09/2006
10/09/2006 a 16/09/2006
03/09/2006 a 09/09/2006
20/08/2006 a 26/08/2006
13/08/2006 a 19/08/2006
06/08/2006 a 12/08/2006
30/07/2006 a 05/08/2006
23/07/2006 a 29/07/2006
16/07/2006 a 22/07/2006
09/07/2006 a 15/07/2006
02/07/2006 a 08/07/2006
25/06/2006 a 01/07/2006
18/06/2006 a 24/06/2006
11/06/2006 a 17/06/2006
04/06/2006 a 10/06/2006
28/05/2006 a 03/06/2006
21/05/2006 a 27/05/2006
14/05/2006 a 20/05/2006
07/05/2006 a 13/05/2006
30/04/2006 a 06/05/2006
23/04/2006 a 29/04/2006
16/04/2006 a 22/04/2006
09/04/2006 a 15/04/2006
02/04/2006 a 08/04/2006
26/03/2006 a 01/04/2006
19/03/2006 a 25/03/2006
12/03/2006 a 18/03/2006
05/03/2006 a 11/03/2006
26/02/2006 a 04/03/2006
19/02/2006 a 25/02/2006
12/02/2006 a 18/02/2006
05/02/2006 a 11/02/2006
29/01/2006 a 04/02/2006
22/01/2006 a 28/01/2006
15/01/2006 a 21/01/2006
08/01/2006 a 14/01/2006
01/01/2006 a 07/01/2006
25/12/2005 a 31/12/2005
18/12/2005 a 24/12/2005
11/12/2005 a 17/12/2005
04/12/2005 a 10/12/2005
27/11/2005 a 03/12/2005
20/11/2005 a 26/11/2005
13/11/2005 a 19/11/2005
06/11/2005 a 12/11/2005
30/10/2005 a 05/11/2005
23/10/2005 a 29/10/2005
16/10/2005 a 22/10/2005
09/10/2005 a 15/10/2005
02/10/2005 a 08/10/2005
25/09/2005 a 01/10/2005
18/09/2005 a 24/09/2005
11/09/2005 a 17/09/2005
04/09/2005 a 10/09/2005
28/08/2005 a 03/09/2005
21/08/2005 a 27/08/2005
14/08/2005 a 20/08/2005
07/08/2005 a 13/08/2005
31/07/2005 a 06/08/2005
24/07/2005 a 30/07/2005
17/07/2005 a 23/07/2005
10/07/2005 a 16/07/2005
03/07/2005 a 09/07/2005
26/06/2005 a 02/07/2005
19/06/2005 a 25/06/2005
12/06/2005 a 18/06/2005
05/06/2005 a 11/06/2005
29/05/2005 a 04/06/2005
22/05/2005 a 28/05/2005
15/05/2005 a 21/05/2005
08/05/2005 a 14/05/2005
24/04/2005 a 30/04/2005
17/04/2005 a 23/04/2005
10/04/2005 a 16/04/2005
03/04/2005 a 09/04/2005
27/03/2005 a 02/04/2005
20/03/2005 a 26/03/2005
13/03/2005 a 19/03/2005
06/03/2005 a 12/03/2005
27/02/2005 a 05/03/2005
20/02/2005 a 26/02/2005
13/02/2005 a 19/02/2005
06/02/2005 a 12/02/2005
30/01/2005 a 05/02/2005
23/01/2005 a 29/01/2005
16/01/2005 a 22/01/2005
09/01/2005 a 15/01/2005
02/01/2005 a 08/01/2005
26/12/2004 a 01/01/2005
19/12/2004 a 25/12/2004
12/12/2004 a 18/12/2004
05/12/2004 a 11/12/2004
28/11/2004 a 04/12/2004
21/11/2004 a 27/11/2004
14/11/2004 a 20/11/2004
07/11/2004 a 13/11/2004
31/10/2004 a 06/11/2004
24/10/2004 a 30/10/2004
17/10/2004 a 23/10/2004
10/10/2004 a 16/10/2004
03/10/2004 a 09/10/2004
26/09/2004 a 02/10/2004
19/09/2004 a 25/09/2004
12/09/2004 a 18/09/2004
05/09/2004 a 11/09/2004
29/08/2004 a 04/09/2004
22/08/2004 a 28/08/2004
15/08/2004 a 21/08/2004
11/07/2004 a 17/07/2004
04/07/2004 a 10/07/2004
27/06/2004 a 03/07/2004
20/06/2004 a 26/06/2004
13/06/2004 a 19/06/2004
06/06/2004 a 12/06/2004
30/05/2004 a 05/06/2004
23/05/2004 a 29/05/2004
16/05/2004 a 22/05/2004
09/05/2004 a 15/05/2004
02/05/2004 a 08/05/2004
25/04/2004 a 01/05/2004
18/04/2004 a 24/04/2004
11/04/2004 a 17/04/2004
04/04/2004 a 10/04/2004
28/03/2004 a 03/04/2004
21/03/2004 a 27/03/2004
14/03/2004 a 20/03/2004
07/03/2004 a 13/03/2004
29/02/2004 a 06/03/2004
22/02/2004 a 28/02/2004
15/02/2004 a 21/02/2004